08/2021

Caio Souza finaliza participação em Tóquio com 8º lugar no salto

Atleta da ginástica artística, integrante do Time Ajinomoto, se despediu dos Jogos de Tóquio feliz pela sua atuação, que lhe rendeu presença em duas finais

São Paulo, agosto de 2021 – O saldo da primeira participação olímpica foi extremamente positivo para o ginasta Caio Souza, atleta do Time Ajinomoto. Nesta segunda-feira (2), ele participou da final do salto da ginástica artística, ficando em oitavo lugar, com a nota 13.683. Caio finalizou sua campanha em Tóquio com duas finais. Na última quarta-feira (28), ele também disputou a final do individual geral, quando terminou em 17º lugar.

Caio foi o segundo a competir na Ariake Arena nesta segunda-feira. Em seu primeiro salto, apesar de um deslocamento na aterrisagem, conseguiu a nota 14.466. No segundo salto, não conseguiu evitar uma queda na chegada, o que lhe rendeu a nota 12.900, sendo a média final 13.683 e a oitava colocação.

Para o ginasta do Time Ajinomoto, o sentimento ao final de sua campanha em Tóquio é o de dever cumprido. “A gente treina muito para buscar o primeiro lugar. E só tem três lugares no pódio. Eu estou muito feliz com a minha primeira participação olímpica, ter chegado a duas finais, e, apesar de ter sofrido a queda, finalizado entre os oito melhores atletas de salto do mundo”, disse Caio Souza, que revelou ter tentado fazer o mesmo salto realizado na classificatória.

“Era um duplo mortal com meia volta, mas na hora que bati no trampolim, deu uma fraquejada na perna e quando comecei a rodar, senti que não iria dar a chegada. Ou era tentar arriscar dar mais uma meia volta e machucar ainda mais o pé ou só fazer o duplo”, afirmou o ginasta, que revelou ter se superado para estar em ação nesta segunda-feira.

“Na final do individual geral eu acabei machucando o pé direito e era uma incógnita se eu iria competir ou não. Foram quatro dias incansáveis de tratamento, fisioterapia, gelo... Eu tenho que agradecer aos médicos do COB, aos fisioterapeutas, ao pessoal da CBG, a todo mundo que esteve comigo”, disse Caio, que já planeja agora o restante da temporada. “Agora, é voltar para casa e dar uma descansada. Mas a gente ainda tem o Campeonato Brasileiro, o Mundial daqui a dois ou três meses, aqui mesmo no Japão. De qualquer forma, estou feliz demais com a participação não só minha como de toda a ginástica artística brasileira. Estamos evoluindo e crescendo”, concluiu.

Projeto Vitória

O Time Ajinomoto faz parte do Projeto Vitória, iniciativa criada pela empresa em 2003, no Japão, e que chegou ao Brasil em 2019 com o objetivo de contribuir para o fortalecimento do esporte nacional. Atualmente, 32 atletas olímpicos e paralímpicos compõem o grupo e recebem suporte relativo à nutrição e aos benefícios da ingestão de aminoácidos por esportistas de alto rendimento.

Sobre a Ajinomoto do Brasil

Presente no Brasil desde 1956, a Ajinomoto é uma multinacional japonesa e referência mundial em aminoácidos. A empresa oferece produtos de qualidade tanto para o consumidor como insumos para as indústrias alimentícia, cosmética, esportiva, farmacêutica, de nutrição animal e agronegócios. Atualmente, a unidade brasileira é a terceira mais importante do Grupo Ajinomoto fora do Japão, atrás apenas da Tailândia e dos Estados Unidos. A linha de produtos da empresa voltada ao consumidor é composta pelo tempero umami AJI-NO-MOTO®, AJI-SAL®, Tempero SAZÓN®, Caldo SAZÓN®, SAZÓN® Tempera & Prepara, RECEITA DE CASA™, HONDASHI® e SABOR A MI®, além das sopas individuais VONO® e da linha de sopas cremosas e claras VONO® Chef. Também se destacam os refrescos em pó MID® e FIT Zero Açúcar, o azeite de oliva extra virgem TERRANO® e o azeite de oliva tipo único TERRANO®, o SATIS!® Molho Shoyu, além de aminoVITAL® GOLD e aminoVITAL® GOLD DRINK MIX, produtos compostos por nove aminoácidos essenciais para a recuperação de atletas e entusiastas do esporte. No Brasil, a companhia também atua no segmento de food service (alimentação fora do lar). Com quatro unidades fabris, localizadas no estado de São Paulo, nas cidades de Limeira, Laranjal Paulista, Valparaíso e Pederneiras, e sede administrativa na capital, emprega cerca de 3 mil funcionários e atende tanto ao mercado interno como ao externo. O Grupo Ajinomoto obteve faturamento global de US$ 10,1 bilhões e nacional de R$ 2,7 bilhões no ano fiscal de 2020. Atualmente, está presente em 35 países, possui 121 fábricas e cerca de 32 mil funcionários em todo o mundo. Para saber mais, acesse www.ajinomoto.com.br.

INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA | AJINOMOTO DO BRASIL

Race Comunicação

Tel.: (11) 2894-5607/2548-0720

Marcelo Laguna – Cel.: (11) 99184-7864 – marcelolaguna@agenciarace.com.br

Wilson Barros – Cel.: (11) 99607-1746 – wilsonbarros@agenciarace.com.br

 

você está sendo
Redirecionado
Para um link fora de
ajinomoto.com.br

X