11/2020

Judocas do Time Ajinomoto ajudam o Brasil a ser campeão continental

Com pódios de Rafael Silva, Eduardo Barbosa e Larissa Pimenta, seleção conquista o título em Guadalajara

Representantes do Time Ajinomoto, Rafael Silva, o Baby, Eduardo Katsuhiro Barbosa  e Larissa Pimenta ajudaram a seleção brasileira de judô a fechar o Campeonato Pan-Americano Sênior, em Guadalajara, no México, no topo do quadro de medalhas. Barbosa foi prata na categoria até 73 kg e ajudou o Brasil a vencer a série por equipes. Rafael (+100 kg) ficou com a prata e Larissa (até 52 kg) conquistou o bronze. No total, o Brasil fez 15 pódios: cinco ouros, seis pratas e quatro bronzes.

No primeiro dia do evento, Barbosa superou o americano Alexander Turner e o peruano Alonso Wong nas preliminares. Na final, o canadense Antoine Bouchard levou a melhor por waza-ari. Larissa enfrentou a repescagem, passando pela também brasileira Eleudis Valentim e vencendo a norte-americana Katelyn Jarrel na disputa pelo bronze.

No último dia de disputas individuais, Rafael superou o mexicano Jose Cuevas, o equatoriano Freddy Figueroa, mas sentiu o músculo da coxa e não lutou a final. Barbosa voltou aos combates na disputa por equipes e venceu seus dois confrontos, ajudando o Brasil a conquistar o ouro.

A Federação Internacional de Judô (IJF) divulgou o novo ranking mundial no dia 23, incluindo a pontuação do continental. Rafael segue número 6 do mundo, agora com 4.213 pontos. Larissa mantém a oitava colocação com 3.669 pontos e Barbosa, que subiu seis posições, é o 29º com 1.888 pontos.

você está sendo
Redirecionado
Para um link fora de
ajinomoto.com.br

X