Facebook Pixel

Douglas Brose conquista a prata em etapa do Chile do Karatê 1 Series A

24/01/2020

Integrante do Time Ajinomoto, carateca abre a temporada com pódio na luta pela classificação olímpica 

Integrante do Time Ajinomoto, o carateca Douglas Brose começou a temporada conquistando um resultado importante. Brose, que ainda briga pela classificação para os Jogos de Tóquio, ficou com a medalha de prata da categoria kumitê (luta) até 60kg na etapa de Santiago do Karatê 1 Series A.  
Na final, o brasileiro enfrentou o cazaque Kaisar Alpysbay em um combate bastante acirrado no qual nenhum dos adversários conseguiu pontuar. O título foi definido por hantei, ou decisão dos árbitros. 
Duas vezes campeão mundial da modalidade (2010 e 2014), Brose estreou na competição vencendo Yerkinbek Baitureyev, também do Cazaquistão, por 1 a 0. O brasileiro superou, ainda, o mexicano Ryan Flores pela pontuação mínima no torneio. 

Briga pela vaga
Na corrida pela vaga olímpica, Brose vai disputar importantes competições até o encerramento do período de classificação, em 6 de abril. 
O karatê estreia este ano no programa dos Jogos Olímpicos e tem um sistema classificatório complexo. Na capital japonesa, o torneio será dividido em seis categorias de peso, com disputas em kumitê e kata (demonstração de golpes), cada uma com dez competidores, masculino e feminino. 
Na composição das chaves em cada categoria, além de um representante do país-sede, quatro classificados serão determinados pelo ranking olímpico internacional. Três vagas serão definidas por seletiva olímpica mundial, em maio, e outras duas serão continentais. Essa última opção, porém, só é válida para países bem posicionados no ranking e que não tenham obtido classificação pelos critérios anteriores.  
Em Tóquio, a categoria na qual Brose busca a classificação incluirá atletas até 60kg e até 67kg. Por isso, no sistema de ranqueamento (que distribui quatro vagas para os Jogos Olímpicos) cada classe de peso terá duas vagas.  
 

Voltar para o índice

Últimas notícias: